Autoplay

quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

Biologia matemática é tema de escola

12/01/2012
Agência FAPESP – O Southern-Summer School on Mathematical Biology será realizado de 16 a 28 de janeiro na sede do prédio do Instituto de Física Teórica (IFT) da Universidade Estadual Paulista (Unesp), em São Paulo.
A iniciativa é do ICTP South American Institute for Fundamental Research, centro criado em colaboração entre a Unesp e o Centro Internacional de Física Teórica (ICTP), centro de pesquisas vinculado à Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) e que conta com financiamento da FAPESP.
Voltado para alunos de pós-graduação em Física, Matemática, Ecologia e Epidemiologia que tenham conhecimentos básicos de cálculo e equações diferenciais, o curso terá a participação de 63 estudantes do Brasil, Argentina, Canadá, Colômbia, Equador, Estados Unidos, Inglaterra, Paraguai, Portugal, Uruguai e Venezuela. O prazo para inscrições está encerrado.
Na primeira semana será realizado um curso básico de biologia das populações que inclui exercícios de modelagem. “A segunda semana terá uma escola avançada em tópicos atualizados de ecologia e epidemiologia”, disse Roberto Kraenkel, professor do IFT e um dos organizadores do curso ao lado de Marcel Clerc, da Universidade de Chile, e Paulo Inácio Prado, da Universidade de São Paulo.
Segundo Kraenkel, o uso de métodos matemáticos na biologia é um assunto em expansão que vem incorporando técnicas de modelagem matemática. Biólogos, porém, geralmente não têm treinamento em matemática, e matemáticos e físicos têm dificuldade de entender completamente alguns princípios biológicos. “Isso cria uma lacuna entre as duas culturas científicas”, disse.

Escolas de verão são oportunidades para que estudantes de várias áreas trabalhem juntos e assistam a seminários de cientistas de renome internacional, ampliando assim seus interesses acadêmicos. “A iniciativa deste curso é a única na América do Sul e uma das poucas no mundo com uma verdadeira abordagem interdisciplinar”, afirmou.

Em novembro de 2010, a Unesp, por meio do IFT, assinou acordo de cooperação com o ICTP, com apoio da FAPESP. Foi a primeira parceria do ICTP com uma universidade latino-americana. A partir dessa ação, o ICTP pretende influenciar a criação de outros centros de excelência em pesquisa no continente americano, fora dos Estados Unidos e do Canadá.
Mais informações: www.ictp-saifr.org.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.