Autoplay

segunda-feira, 21 de outubro de 2013

E²: Energy - 1º Temporada

Tempo de Duração: 25 min cada
Ano de Lançamento: 2007
Qualidade: TVRip
Formato: Avi
Audio: Inglês
Legenda: Português
Tamanho: +- 350 MB cada
Sinopse: Narrado pelo ator Morgan Freeman, a série de documentários “e2: Energy” aborda em seis episódios políticas energéticas globais e apresenta pessoas, lugares e inovações que sugerem que um futuro ambientalmente mais sustentável é possível e está ao nosso alcance. 
 
Os seis episódios irão abordar as inovadoras políticas energéticas da Califórnia; o Brasil e sua próspera indústria de etanol; as tecnologias desenvolvidas para economizar energia que estão mudando a indústria de transporte; energia solar e biogás para comunidades rurais em Bangladesh; energia eólica e a colaboração da comunidade em Minnesota; e duas fontes alternativas de energia controversas, mas promissoras: energia nuclear e sequestro de carbono.
Episódio 01: Colhendo o Vento
A energia eólica é a fonte que mais rapidamente cresce no mundo, embora encontre obstáculos para ser aceita nos Estados Unidos. Contudo, no sul do estado de Minnesota, ela tem crescido gradativamente como fonte local de energia e renda para agricultores. Em outras regiões, os agricultores locais se organizaram para formar cooperativas de energia eólica, obtendo os mesmos resultados positivos. O governo do estado de Minnesota tem um papel fundamental nas políticas de energia eólica, suscitando a pergunta: seguirá o resto dos EUA os passos de Minnesota?

(Opção 01 - MEGA)
Episódio 02: Energia para um Mundo em Desenvolvimento
Um futuro de energia limpa depende, em grande parte, do consumo responsável de energia nos países em desenvolvimento. Fundada por Muhammad Yunus, Prêmio Nobel da Paz, a organização Grameen Shakti em Bangladesh distribui à comunidade rural bengali pequenos sistemas de energia solar e sistemas portáteis de biogás, melhorando, no processo, a qualidade de vida da população pobre e das mulheres.
Download (Opção 01 - MEGA)
Episódio 03: Abrindo Caminho
Na América, o transporte consome aproximadamente 70% de todo o petróleo utilizado. Os designs mais eficientes de automóveis poderão oferecer uma solução aos danos ambientais causados por nossos tão queridos carros? A General Motors anuncia o Volt, um automóvel super híbrido, e a versão Sequel com célula combustível; a empresa de tecnologia Fiberforge exibe o que há de mais moderno em materiais ultraleves para a fabricação de carros.
Download (Opção 01 - MEGA)
Episódio 04: Energia Crescente
Em resposta à crise do petróleo dos anos 1970, o Brasil criou uma indústria interna de etanol que está prosperando em todos os níveis, desde a produção até a distribuição em postos de gasolina, incluindo a adoção nacional de veículos flex-fuel. Sob a perspectiva de que as políticas, a infraestrutura, a indústria e a aceitação do consumidor são vitais para a longevidade, esse episódio examina o que podemos aprender com o sucesso extraordinário do Brasil com etanol.
Download (Opção 01 - MEGA)
Episódio 05: Estado de Resolver
As políticas progressistas da Califórnia referentes a energia poderão influenciar os Estados Unidos em direção a um futuro de energia mais limpa? As leis que a Califórnia aprovou para regulamentar as emissões de gases causadores do efeito estufa consolidam a reputação do estado como liderança ambiental, tornando-o um pioneiro global em tecnologias limpas.
Download (Opção 01 - MEGA)
Episódio 06: Energia Nuclear e Carvão - Problema ou Solução?
Energias renováveis, biocombustíveis, energia eólica, solar e outras fontes alternativas de energia estão sendo exploradas para resolver os problemas mundiais de energia, mas a ubiquidade do carvão e a potência da energia nuclear os tornam impossíveis de ignorar, apesar de suas muitas desvantagens. Com os novos avanços em captura e sequestro de carvão e as tecnologias nucleares aperfeiçoadas, esses recursos bastante controversos podem oferecer soluções para a crescente demanda mundial de energia.
  (Opção 01 - MEGA)
Screenshot:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.