Autoplay

terça-feira, 20 de março de 2012

Crânio de dinossauro de 165 milhões de anos é reconstruído em 3D

Imagens revelam ouvido interno avançado em espécie descoberta no Níger.
Trabalho foi divulgado na publicação de livre acesso 'PLoS One'.

Da Agência EFE
Uma equipe de pesquisadores espanhóis reconstruiu em 3D a cavidade craniana de um dinossauro da espécie Spinophorosaurus nigeriensis, de 165 milhões de anos. As imagens revelaram que esses exemplares possuíam um ouvido interno muito desenvolvido, característica relacionada à coordenação dos olhos e da cabeça.

Atualizado em 20/03/2012

ados do trabalho foram publicados na publicação de livre acesso "PLoS One" por cientistas do Conselho Superior de Pesquisas Científicas (CSIC), da Espanha. O trabalho contou também com a colaboração de pesquisadores da Universidade Nacional de Educação a Distância da Espanha, da Universidade de Ohio (EUA) e da Universidade Humboldt de Berlim (Alemanha).

O estudo foi feito em fósseis encontrados no Níger em 2006 que pertencem ao período Jurássico Médio (entre 175 milhões e 161 milhões de anos atrás), informa o CSIC.
A descoberta sugere que este dinossauro, apesar de ser um animal de menor ágil que seus ancestrais, apresentava um aparelho vestibular (conjunto de órgãos do ouvido interno) considerável.
A nota indica que os animais Spinophorosaurus eram quadrúpedes herbívoros de pescoço longo que costumavam alcançar 15 metros de comprimento e cujas caudas apresentavam protuberâncias ósseas como espinhos.
Os órgãos do ouvido interno eram a base do equilíbrio e tinham três canais semicirculares encarregados de detectar aspectos da movimentação da cabeça do animal. Esses canais são mais alongados em animais ágeis e mais curtos nos mais lentos.
Ilustração mostra o ouvido interno esquerdo de alguns dinossauros, entre eles os do gênero 'Spinophorosaurus'. (Foto: PLoS One)Ilustração mostra ouvido interno esquerdo de dinossauros; Entre eles, o 'Spinophorosaurus'.(Foto:PLoS One)
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.