terça-feira, 6 de julho de 2010

Baleia Fóssil do Peru

video

LIMA (Reuters) - O fóssil de uma baleia gigante, batizada de Leviatã e com dentes maiores do que o antebraço de um adulto, foi encontrado no Peru por paleontólogos que nesta quinta-feira disseram se tratar do maior predador que já singrou nos mares.

A criatura batizada de "Leviathan melvillei" em alusão ao monstro bíblico e ao escritor Herman Melville, de "Moby Dick", foi ancestral dos atuais cachalotes, disse Rodolfo Salas, paleontólogo do Museu de História Natural do Peru, que participou do estudo.

"Este é um dente enorme, com mais ou menos 14 polegadas (36 centímetros) de comprimento", disse Salas à Reuters. "As características dos dentes nos levam a crer que o Leviatã foi um grande predador. Ele tem o maior dente já registrado."

O fóssil foi descoberto há dois anos no deserto de Ocucaje, no sul do Peru, mas só nesta semana os cientistas divulgaram suas conclusões. A criatura viveu há cerca de 12 milhões de anos, e seus dentes tinham o dobro do tamanho dos do temível tiranossauro rex.

"O Leviatã poderia se alimentar de outras baleias, que eram muito abundantes e diversas naquele período", afirmou Salas. "Pode ter sido o maior predador que já viveu no mar", disse ele, acrescentando que provavelmente essa baleia era maior que o "Carcharocles Megalodon", seu contemporâneo, um predador de 20 metros.

Além de dez dentes bem preservados, os paleontólogos europeus e peruanos encontraram também o crânio e a mandíbula inferior da baleia. A região da descoberta, um antigo leito marinho, é pródiga em achados desse tipo.

"Em termos de vida marinha vertebrada, o Peru tem o privilégio de ter o sítio mais importante do mundo", disse Salas.

A pesquisa foi publicada na revista Nature, e o fóssil em breve será exibido em Lima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.